COLUNA | NINA E BIA

Numa quase manhã de outono, o vento visitava doce a pele de Nina.

Suas pernas ainda pesadas, muito tempo pra lá e pra cá na estadia.

Preferiu isolar-se na sacada, enquanto outros gritavam alegria.

Uma festa! Faces desconhecidas, atrevidas, sua agonia.

 

Fechou os olhos e virou o rosto em direção à lua.

Paz! O cheiro do mato molhado vinha como um beijo.

A música distante, um desejo envelhecido e alheio.

Ela simplesmente ali… sua moral, sua história e seu respeito.

 

Foi então que a batida parou e um toque a despertou.

Era uma convidada de cabelos cheios e de cachinhos rimados.

Parada assim, bem ao seu lado, sorriso corajoso e lábios de fadas.

Sim! Ela vestia asas de bolinhas azuis das mulheres encantadas.

 

E naquele momento Nina se atrapalhou e fugiram palavras.

Ainda se sentia ridícula com a ponta do nariz avermelhada.

Saia de tule colorido e um par de meia longa zebrada.

Insegurança repentina, olhos fugidios, desequilibrada.

 

E agora a fada tocou delicadamente o queixo de Nina.

E girou o seu rosto em direção ao dela, uma pérola.

Sua linda pele preta, brilho jovem pra deixá-la inquieta.

Bia, o meu nome, ela se apresentou, aproximou, completa.

 

De repente, Bia era Nina e Nina também se confundia com Bia.

Duas estranhas, agora íntimas, cúmplices e de fantasias.

O que importava a lua se agora Nina acolhia a luz de Bia?

E assim, o coração ficou quentinho e veio a sede do recém-chegado dia.

Ilustração de Renata Palheiros
Compartilhe:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe uma resposta

Para Você

Posts Relacionados

REVELAÇÃO | “Minha identidade tem como foco e base a música preta mundial” – Iury Andrew – DJ Revelação

Que a carreira de DJ não tem sido fácil nessa pandemia não é novidade para ninguém, mas existem muitos DJs fantásticos e com histórias incríveis que não podem passar despercebidos. É o que será provado, mais uma vez, neste mês

Transformando sua ideia e projeto em Arte

A parceria de um designer, de um ilustrador e de uma fera no Google forma a agência digital Ivan T. Design Studio. Atuando há oito anos no mercado, traz um espírito inovador, desenvolvendo soluções para projetos que exijam um design

COLUNA | Como ser DJ na Pandemia?

Hey coloridos, o tema Pandemia é um tema recorrente aqui e também no nosso dia a dia, mas hoje eu quero dar um foco em segundo ou terceiro plano a ela, exatamente porque tenho visto uma luz no fim do

NOVIDADE | Deu trance nas Olimpíadas de Tóquio com a Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica

O produtor Vegas assina a trilha sonora da coreografia que levou a medalha de ouro nos jogos Pan-Americanos no último final de semana Em 2019, o DJ e produtor brasileiro Vegas foi surpreendido ao saber que a sua música “Akasha”

COLUNA | Como fazer um bom Warm Up

O mercado de cursos para DJ nos últimos anos foi uma ótima oportunidade profissional. Havia muitas pessoas interessadas em aprender e poucos cursos disponíveis. Quem soube explorar esse mercado teve grande sucesso na época. Com a pandemia, dar aula passou

deixe sua opnião

Sugestão de pauta, opinião sobre nossos textos, envio de lançamentos, ...

%d blogueiros gostam disto: