ENTREVISTA | “Feeling – Live Experience”: um show digital com entretenimento, crítica social, diversidade e muita diversão!

Feeling – Live Experience, um show digital com a direção de imagem de Nelson Lacerda que produz vídeos para grandes DJs brasileiros como Alok, Vintage Culture, Chemical. “Eu nunca vi um show assim, imagina fazer um”, comenta o diretor.

Em seu DJ-Set, Feeling trouxe um formato de Show de artista pop com figurinos, bailarinos, drag queen, efeitos especiais e sincronia de luz e imagens de backdrop.

Um espetáculo divertido, de muito entretenimento, mas também com crítica social e uma mensagem de diversidade.

Idealizado e roteirizado por ele mesmo, o projeto movimenta a classe artística da noite (o setor mais afetado nessa pandemia) e tivemos o prazer de entrevistá-lo para falar um pouco sobre o processo criativo deste trabalho. Confira agora:

O processo criativo desse DJ-Set deve ter dado muito trabalho, principalmente por contar com muitos elementos de um verdadeiro espetáculo. Como foi a construção de todo esse show e quem são os nomes que estiveram juntos com você neste projeto?

Eu sou muito intenso, detalhista e penso em T-U-D-O. Primeiro eu gravei um set estratégico, misturando o Pop e o Pesado, Hits atuais e antigos, trends de “balada gay” e “balada hetero” para que conversasse com uma grande faixa de público. 80% das versões eu personalizei com meus mashups. Roteirizei a mixagem com atos, momentos, “ups” and “downs” como um show de cantores Pop. Fiz o roteiro de T-U-D-O, segundo por segundo, para a iluminação, para os efeitos, para os backdrops do telão (com o link de cada looping que pesquisei); pesquisei também tipos de tecido, de modelagens, de cores para a produção do figurino e mandei links de referências de coreografia para o coreógrafo. E a partir daí, cada profissional se desenvolveu baseado no script. A fixa técnica é extensa, tenho medo de esquecer nomes.

Foto de divulgação.

Nelson Lacerda produziu vídeos de grandes nomes da cena eletrônica brasileira, tais como Alok, Vintage Culture e Chemical. Como foi que surgiu a ideia de convidá-lo para produzir o “Feeling – Live Experience”?

Ele já trabalhou comigo em outras “eras”, muito antes de ser fixo na equipe do Vintage. Considero ele amigo e sou extremamente grato porque, mesmo eu não tendo os mesmos números dos artistas que ele trabalha, ele topou dirigir e se entregar pra esse trabalho. Acho que formamos uma boa equipe.

Foi incrível a crítica social que você passou para todes durante este projeto, além é claro da mensagem de diversidade. Qual era os principais objetivos em relação a essas críticas?

Sou LGBTQIA+, grande parte da minha fan base é também, ou seja, a causa é minha. E num show na internet, pro mundo inteiro assistir, eu não poderia deixar de transmitir minha verdade.

Desde 2005 até os dias de hoje muita coisa passou em relação a sua carreira. Carreira essa que sempre foi marcada por apresentações bem diferentes do habitual, deixando você com uma identidade bem pessoal e única para a cena. O que te move a fazer sempre essas apresentações marcantes? E como foi adaptar toda essa imagem que você sempre apresentou ao formato gravado e sem público?

Ninguém nunca fez a diferença sendo igual aos outros, acho que isso resume meu estilo de trabalho. Sobre tocar sem público, se eu for pensar e responder apenas como DJ, foi muito estranho, broxante. Tocar sem público é como jogar tênis com a parede.

Foto de divulgação.

Depois de mais de oito meses em pandemia, no qual vivemos com incertezas da retomada dos eventos pelo Brasil e mundo afora, como está o seu processo criativo?

Pandemia é uma situação chata, mas eu sou muito consciente que é uma situação fora da minha alçada, é sentar e esperar. Agora criativamente eu sempre fui muito ativo, ideia é o que não me falta.

Tem alguma mensagem que queira deixar para os leitores da Colors DJ e principalmente para seus fãs!?

Para os fãs: SAUDADES! Não vejo a hora da gente se ver. Quem não me conhece, muito prazer, seria incrível ter você comigo nessa jornada.

E para todos: Assistam meu show e deixem sua opinião para que meu trabalho possa estar alinhado com as expectativas de vocês, e eu possa entretê-los da melhor forma. Beijão!

INSTAGRAM

Show no Youtube

Compartilhe:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe uma resposta

Para Você

Posts Relacionados

REVELAÇÃO | Nicole Lukiys: “Eu me encontrei ali atrás dos decks.”

Conheça Nicole Lukiys, apaixonada pela técnica da mixagem, constrói sets marcados pela dinâmica e harmonia. Ela é a revelação do techno desta edição de maio. Misturando vertentes como hard techno, peak time, techno rave, industrial, e influências do breakbeat e

LANÇAMENTO | “Classix Remix vol. 2”, por Roberto de Carvalho

Depois da incomensurável surpresa que foi o lançamento do primeiro volume do “Rita Lee e Roberto – Classix Remix”, às vésperas do lançamento do segundo volume, fico até inibido de escrever algo que esteja à altura deste projeto maravilhoso que

LANÇAMENTO | MARTIN GARRIX TEM AS COLABORAÇÕES DE BONO VOX E THE EDGE NO LANÇAMENTO DA FAIXA “WE ARE THE PEOPLE”

Hoje, os membros do U2, Bono Vox e The Edge, colaboram com o DJ holandês Martin Garrix na faixa “We Are the People”, single oficial do torneio de futebol UEFA Euro 2020. O U2 também acaba de disponibilizar no Spotify

LANÇAMENTO | A ESPETACULAR COLABORAÇÃO DE SIR ELTON JOHN E O YEARS & YEARS, NA RELEITURA DO CLÁSSICO “IT´S A SIN”, JÁ ESTÁ EM TODAS AS PLATAFORMAS DIGITAIS

Elton John e Years & Years se reuniram para uma performance verdadeiramente espetacular do clássico “It´s a Sin”, dos Pet Shop Boys, na cerimônia de premiação do BRIT Awards, realizada no último dia 11.  Assista aqui: A canção agora está

LANÇAMENTO | Le Dib segue com nova sonoridade de 2021 em “Gone” pela Sony

Em nova produção pela Sony, desta vez com uma pegada de Indie Rock, mas perfeita para as pistas de música eletrônica, Le Dib lança “Gone” surpreendendo novamente com sua maestria e versatilidade, e mantendo a nova sonoridade apresentada para 2021.

%d blogueiros gostam disto: